quinta-feira, 8 de março de 2018

Mulheres narradoras

Hoje é dia internacional da mulher e o site resolveu abordar um caso muito importante.

Mulheres narradoras.

Em 2018 a tendência e que apareçam mulheres narradoras, tivemos a primeira mulher narradora de futebol nos anos 90 pela TV Bandeirantes era Luciana Mariano, ex-esposa de Luciano do Valle. Luciana tinha o dom de narrar afinal era casada com um dos melhores narradores do Brasil, não fazia feio na época.

Luciana Mariano inclusive poderá ser vista em ação na ESPN numa partida da Liga Europa ela irá narrar em homenagem ao dia da mulher. Resta saber será que Luciana vai ser contratada.

Em 2018 apareceu Isabelly Morais narradora da Rádio Inconfidência de Belo Horizonte narrando um jogo do America-MG mesmo nervosa aos poucos ela mostrava que pode sim uma mulher narrar futebol. Se vai para a televisão ou para outra emissora de rádio em Minas não se sabe mais na Inconfidência que é uma rádio estatal do governo de Belo Horizonte foi revelada a primeira mulher narradora de rádio.

Os canais Fox Sports e Esporte Interativo através de Vanessa Riche (Fox Sports) e Taynah Espinoza (Esporte Interativo) vão buscar a mulher narradora de TV que vai despontar mostrando seu talento. Quem vencer pelo Fox Sports narrara a Copa do Mundo e quem vencer pelo Esporte Interativo terá a chance de narrar um jogo da Liga dos Campeoes da UEFA ao lado de Mauro Betting que comentara a partida ao lado da mulher narradora.

Se hoje não temos em outras praças uma mulher narradora e porque falta ousadia das emissoras de rádio e porque não querem arriscar. Ainda preferem manter os narradores masculinos.

Comentaristas mulheres existem sim poucas podemos citar Juliana Cabral (ex-jogadora), Clara Alburquerque por exemplo.

Agora a reportagem feminina sim ela é bastante abrangente como as apresentadoras.

O que falta e uma mulher para narrar futebol e isso tá ainda sendo um embrião uma mulher apareceu que é Isabelly Morais e a tendência e muitas aparecerem para narrar futebol.

Nenhum comentário:

Postar um comentário